Gestão Marketing & Publicidade
26/11/2021 • 4 MIN LEITURA

Como criar um catálogo de produtos e facilitar suas vendas

Um dos principais empecilhos para a venda on-line de doces e sobremesas é a ausência de uma listagem com todos os itens que você, confeiteira, oferece. Assim, os clientes acabam optando por consumir daqueles que oferecem um catálogo digital, para facilitar a escolha.

Diante disso, para poupar esforços desnecessários das duas partes, vendedor e cliente, criar seu catálogo digital pode ajudá-la a não perder mais nenhuma venda por falta de uma relação com informações importantes de seu produto, assim como a categoria de sobremesa, sabor e valor.

O que é um catálogo digital?

Catálogo digital nada mais é do que o cardápio comum, mas com acesso virtual em formato de loja on-line ou imagem, que pode ser consultado, principalmente, por meio do celular.

Assim, basta enviar o link, ou anexar como imagem ou documento para que seu cliente possa escolher os produtos que deseja adquirir de você.

Estamos cada vez mais imersos na era digital, com sistemas de contratação de serviços e venda de produtos pela internet, uma das formas mais acessíveis e práticas de divulgação. Por isso, para facilitar ainda mais, os catálogos digitais tornaram-se importantes meios para melhor e maior distribuição da sua lista de sobremesas.

Conheça um pouco mais sobre os benefícios que um cardápio digital pode lhe proporcionar.

Qual a importância de criar um catálogo de produtos para seu negócio?

Ao disponibilizar um catálogo, com todos os seus produtos, o cliente terá autonomia em decidir o que deseja, de acordo com as informações que oferece, tendo contato com você apenas para efetuar o pedido e sanar dúvidas.

Imagine que você produz 30 produtos diferentes para festas e um cliente entra em contato, interessado em comprar, mas ainda não sabe quais produtos pedir. O que é mais fácil? Descrever todos os 30 produtos para o cliente ou enviar um cardápio bem elaborado para ele escolher o que pedir?

Com o catálogo digital fica muito mais prático para os dois lados, não é? Assim, você não perde tempo e ainda deixa o cliente com as informações necessárias sobre seu serviço.

É por esse motivo que o iFood, app de pedido de delivery mais conhecido atualmente, faz tanto sucesso: dá autonomia ao cliente, sem a necessidade de estar o tempo todo em contato com o restaurante.

Tipos de cardápio digital

Existem algumas opções de cardápio digital disponíveis. Alguns são pagos, e outros, gratuitos, e você pode analisar qual melhor se encaixa para seu negócio.

Para trazer essas opções, vamos considerar que você não atenda presencialmente e produza seus doces em casa. Nesse caso, há 3 opções de catálogos: plataforma de pedido e venda; PDF ou imagem; e WhatsApp Business.

Catálogo de produtos em plataforma de pedido e venda

Existem plataformas que oferecem, gratuitamente, a funcionalidade de catálogo, onde seus clientes podem selecionar os produtos que desejam, como em uma loja virtual, e enviar o pedido diretamente para o WhatsApp vinculado ao catálogo.

A versão gratuita dessas plataformas, normalmente, limita a quantidade de produtos que podem ser divulgados em seu catálogo.

Mas, essas mesmas plataformas, na versão paga, oferecem mais funcionalidades, como pagamento on-line integrado, gerador de taxa de entrega por distância, central de pedidos nas plataformas, entre outras funções que podem ser úteis para seu negócio, caso esteja disposta a investir um valor de mensalidade, que varia de uma plataforma para outra.

O formato é interessante, pois dá autonomia ao cliente e envia o pedido para você prepará-lo. Assim, você pode continuar o contato com o cliente para alinhar formas de pagamento, prazos, entregas, dúvidas, etc, caso opte pela versão gratuita.

Exemplos dessas plataformas de catálogo on-line intuitivos e práticos: Goomer, Me Loja e Kyte.

Catálogo por PDF ou imagem

O catálogo em PDF ou imagem é como o cardápio impresso, porém em formato virtual.

Para montar seu catálogo, existem algumas plataformas de fácil edição que podem ajudar. Recomendamos o Canva, que pode ser acessado por aplicativo ou no computador, gratuitamente. Suas funcionalidades permitem que você o personalize com a identidade visual de seu negócio.

Você precisará definir a identidade visual e organizar, manualmente, imagens e informações dos produtos. É importante que cada um desses elementos esteja organizado, harmoniosamente, para que o cliente consiga entender e fazer o pedido.

Catálogo do WhatsApp Business

Se você possui o WhatsApp Business, versão comercial do aplicativo de mensagens, pode aproveitar a função de catálogo para acrescentar produtos e valores em seu perfil, facilitando a consulta e o pedido.

O aplicativo permite o cadastro de até 500 itens.

Quando configurada a opção de pagamento, você ainda pode receber e efetuar pagamentos por meio do aplicativo.

Como organizar seu catálogo de produtos

Quando definir qual método utilizar para produzir seu catálogo digital, é importante coletar o máximo de informações de seus produtos, para deixar seu cliente munido na hora de decidir o que vai pedir.

Portanto, liste as seguintes informações para colocar em seu catálogo:

  • Descrição do produto: qual o sabor, ingredientes (se julgar importante para seus clientes), se é personalizável, etc.
  • Imagem: coloque fotos com boa qualidade e mais fiéis possíveis ao produto real, para que o cliente não se sinta enganado.
  • Valor: deixe definido e informado o valor de cada item. Assim, evita seu desgaste e a perda de tempo com quem não está disposto a pagar, e ainda dá mais clareza para suas promoções e descontos.
  • Sabores: se há mais de um sabor para um mesmo produto, informe no catálogo, junto ao produto.
  • Peso: ao informar o peso, o cliente consegue ter uma ideia melhor daquilo que está comprando, pois ele está olhando apenas para fotos, sem uma noção real do produto.
  • Quantidade: se há produtos vendidos em várias unidades, em uma mesma embalagem, especifique a quantidade

Cada uma dessas informações gera conhecimento do cliente sobre o produto, já que se trata de um pedido on-line. Isso é primordial para evitar conflitos e garantir a satisfação do cliente.

  1. Divida o catálogo por categoria de produto. Assim, fica mais fácil para o cliente encontrar o que deseja;
  2. Defina uma quantidade limite de produto por página, tente não passar de 20;
  3. Coloque seus produtos principais na primeira página;
  4. Dentro de cada categoria, organize os itens por ordem de preço.

Esperamos que o post de hoje tenha ajudado a criar seu catálogo para tornar sua venda de doces mais prática.

Acompanhe-nos no Facebook e Instagram, para ficar por dentro dos próximos posts do Blog Ideia.

Encontre um revendedor Ideia Embalagens próximo a você.